5 Receitas de Doces Típicos Portugueses para o Natal || Christmas 2015 #11

08:00

Olá meninas! Está na altura de começar a pensar em bolos e doces de Natal, por isso deixo aqui as minhas sugestões de 5 receitas tradicionais e que sabem sempre tão bem nesta altura do ano. São receitas tão simples que não vão precisar de recorrer a pastelarias ou empresas de catering! Antes de começar com as receitas acho importante referir que, este post foi feito em colaboração com a Patrícia da empresa Zaask, que foi super simpática e querida, no entanto, o post foi realizado por outro membro da equipa, a Ana Neves.

Filhoses Simples

Um Natal sem filhoses, não é Natal. As filhoses simples são originárias do interior do país (regiões beirãs), mas entretanto espalharam-se por todo o Portugal. São ótimas.


Ingredientes:
750 gr de farinha de trigo
20gr de fermento
1dl de leite
1 colher (chá) de sal
8 ovos
1dl azeite
1dl aguardente
300gr de mel
1dl água
Açúcar
Canela em pó
Óleo para fritar (ou azeite)

Preparação:
1. Começa-se por misturar o fermento no leite morno, juntando-lhe um pouco de farinha e o sal. 
2. Misturar tudo e deixar repousar durante 15 minutos.
3. Depois deita-se esta massa num alguidar, junta-se um pouco de azeite e três ovos batidos. Mistura-se tudo bem.
4. Junta-se o resto do decilitro de azeite, a aguardente e os ovos que restam e bate-se a massa, com as mãos.
5. Abafa-se a massa e deixa-se levedar durante 4 horas num local temperado.
6. Depois desse tempo já se pode começar a fritar. Põe-se o azeite ou óleo ao lume. Com as mãos molhadas em azeite tira-se massa do tamanho de 1 ovo e estica-se o mais fina possível. Coloca-se a fritar/alourar e continua o processo até acabar a massa.
7. Depois, põe-se a escorrer sobre papel absorvente e por fim coloca-se numa travessa pulverizando com canela e açúcar misturados.

Rabanadas Douradas

As Rabanadas são outro doce tão típico do Natal… Este é um doce que faz parte de muitas mesas da consoada em Portugal, mas também em várias regiões do Brasil. São boas e muito fofinhas. 


Ingredientes:
12 fatias de pão de véspera (cacete)
5 dl de leite
1 colher de sopa de manteiga
350 g de açúcar
2 paus de canela
2 casquinhas de limão
8 gemas
1 clara de ovo
canela em pó
1 cálice de vinho do Porto (facultativo)

Preparação:
1. Leva-se o leite ao lume com a manteiga, três colheres de sopa do açúcar, um pau de canela, uma casca de limão e uma pitada de sal. Deixa-se ferver durante 5 minutos.
2. Passam-se as fatias por este preparado e colocam-se numa travessa ou sobre uma toalha para absorver o leite.
3. Noutro recipiente largo e baixo, leva-se o restante açúcar ao lume com 4 dl de água, o outro pau de canela e a outra casca de limão. Deixa-se ferver durante 10 minutos.
4. Entretanto, batem-se muito bem as gemas juntamente com a clara.
5. Agora, passam-se as fatias de pão pelos ovos, introduzem-se duas a duas na calda de açúcar a ferver, e deixam-se cozer, primeiro de um lado e depois do outro. Entre a cozedura de cada par de rabanadas, adiciona-se um cálice de água fria à calda.
6. Colocam-se numa travessa, polvilham-se as rabanadas com canela e, finalmente, regam-se com a calda a que se pode adicionar um cálice de vinho do Porto. 

Sonhos de Abóbora

Os sonhos de Natal fazem parte da nossa tradição gastronómica natalícia e são apreciados em todo o país. Outro doce bem bom e fofinho.


Ingredientes:
2,5 dl de leite
100 gr de margarina
sal q.b.
1 casca de limão
300 gr de farinha
900 gr de abóbora cozida em puré
4 ovos
óleo para fritar
açúcar
canela em pó

Preparação:
1. Leva-se ao lume o leite, a margarina, o sal e a casca de limão.
2. Quando estiver a ferver junta-se a farinha e mexe-se bem até a massa se soltar do tacho.
 3. Retira-se essa massa para uma tigela e deixa-se arrefecer.
4.  Retira-se a casca de limão e junta-se a abóbora aos poucos, amassando bem.
 5Adicionam-se os ovos, um a um.
 6. Bate-se bem a massa e frita-se ás colheradas numa frigideira com óleo bem quente.
 7. Colocam-se os sonhos em cima de papel absorvente para tirar o óleo em excesso.
 8. Depois, coloca-se numa travessa e polvilha-se com açúcar e canela.

Aletria

A aletria é uma variação do arroz doce, feita com uma massa parecida com o esparguete, mas mais fina, que podemos encontrar em qualquer supermercado, e é muito simples de fazer.

Quanto aos ingredientes, as quantidades podem variar, conforme a consistência pretendida. Por exemplo, no Minho fazem-na mais cremosa, mas nas Beiras fazem-na com uma consistência bastante compacta e corta-se em fatias. Ajustem ao vosso gosto.


Ingredientes:
 150 g de aletria
5 dl leite
200 g açúcar
50 g manteiga
4 gema(s) de ovo
1 limão

Preparação:
1. Em primeiro lugar, põe-se água a ferver num tacho ou caçarola.
 2. Depois introduz-se a massa deixando-a a cozer durante 5 minutos em lume brando.
 3. Entretanto, aquece-se o leite com uma casca fina tirada do limão.
 4. Deita-se o leite aos poucos na caçarola com a aletria, mexendo sempre.
5. Junta-se a manteiga e depois o açúcar.
6. Batem-se as gemas e adiciona-se-lhes um pouco de leite.
 7. Retira-se a aletria do lume juntando-lhe as gemas cuidadosamente. Leva-se de novo ao lume, por mais 2 minutos.
 8. Deita-se a aletria numa travessa, ainda quente. Deixa-se arrefecer um pouco e polvilha-se com canela.

Tronco de Natal

Bem, o Tronco de Natal não é originário do nosso país, mas há anos que se tornou uma tradição também por cá. É uma torta muito boa e docinha. 


Ingredientes:
 10 ovos
50 gr de farinha
300 gr de açúcar
200 gr de amêndoa em pó
Margarina para untar
Papel Vegetal

Para o Creme:

2 dl de natas
0,5 dl de leite
50 gr de açúcar
1 colher (sopa) de manteiga
400 gr de chocolate em barra

Preparação:
 É melhor começar pelo creme:
 1. Leva-se um tacho ao lume com o açúcar, o leite e as natas mexendo de vez em quando até ferver.
2. Retira-se do lume, junta-se o chocolate (previamente picado) e a manteiga e mexe-se até que o chocolate fique totalmente dissolvido. Está feito. Reservar.
 3. Agora forram-se dois tabuleiros com papel vegetal e untam-se com margarina. Entretanto, liga-se o forno a 180 graus.
 4. Numa tigela grande, batem-se as claras em castelo firme com o açúcar, juntam-se as gemas, mexe-se, adiciona-se a farinha peneirada com a amêndoa em pó e envolve-se cuidadosamente até ficar sem grumos.
 5. Coloca-se 1/3 da massa num tabuleiro e a restante massa noutro tabuleiro.
 6. Levam-se os dois tabuleiros ao forno. Aquele que tiver menos massa deixa-se aproximadamente 12 minutos e o que tem mais massa cerca de 17 minutos ou então até que as massas fiquem cozidas e douradinhas.
 7. Retiram-se do forno, desenformam-se, barram-se ambas com um pouco do creme ainda morno de modo a ficar uma camada muito fina e enrolam-se com a ajuda de um pano (como se faz com qualquer torta).
8. A torta mais pequena fica ao lado da maior, de forma a fazer um tronco.
 9. Deixa-se arrefecer, e barra-se tudo com o resto do creme.

Gostaram das minhas sugestões fáceis de fazer e tão boas para o Natal em família?

You Might Also Like

2 comentários

  1. Rabanadas, sonhos e tronco de natal são dos meus favoritos :P
    Beijinhos,
    Vou de Saltos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os meus favoritos são a aletria e o tronco de Natal =) Adoro...

      Beijinhos

      Eliminar